SEGURANÇA PÚBLICA

SAIBA TUDO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA!

2 de ago de 2013

Greve de agentes penitenciários suspende visita a presos em MT.

Edição do dia 02/08/2013
02/08/2013 08h12 - Atualizado em 02/08/2013 08h13


A superlotação é uma das reclamações dos agentes penitenciários. Eles também reclamam do número insuficiente de profissionais.

Eunice RamosCuiabá, MT
Em Mato Grosso, uma greve dos agentes penitenciários suspendeu as visitas aos presos.
A Penitenciária Central, a maior de Mato Grosso, tem capacidade para 850 detentos, mas abriga hoje cerca de dois mil. A superlotação é uma das reclamações dos agentes penitenciários.
Eles também reclamam do número insuficiente de profissionais. São 2,5 mil para controlar 12 mil presos no estado. A categoria reivindica ainda mais segurança nas unidades e aumento salarial.
Esta semana, por causa da suspensão das visitas, houve confusão entre os grevistas e os parentes dos presos. A Justiça determinou o fim da paralisação, mesmo assim, a categoria decidiu manter a greve. A Secretaria de Justiça e direitos humanos diz que já atendeu a maioria das reivindicações e que vai contratar agentes temporários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário