SEGURANÇA PÚBLICA

SAIBA TUDO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA!

24 de mai de 2013

Servidores da Polícia Civil protestam contra substitutivo e promete cruzar os braços no dia 10 de junho de 2013!!!!


Categoria promete cruzar os braços no dia 10 de junho.


PUBLICADO EM 24/05/13 - 16h51
Investigadores e escrivães da Polícia Civil de Minas Gerais decidiram em assembleia geral realizada nesta sexta-feira (24) pela paralisação de suas atividades para o dia 10 de junho. Os servidores estão em desacordo com o substitutivo. Segundo o vice-presidente do Sindpol, Antônio Marcos Pereira, o documento contempla apenas a parte da categoria. “O texto foi apresentado aos servidores e ficou claro que há uma desigualdade entre os benefícios”, disse.

No texto, além do equiparação salarial, os servidores reclamam do número baixo de servidores. “Hoje somos 7.000 policiais. Estamos com um número defasado. Prova disso é o número descrente de assaltos, estupros e homicídios. Não adianta a Polícia Militar prender se não temos como dar prosseguimento as investigações”, completou o vice-presidente.
Na tarde desta sexta, a categoria se reuniu na praça da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para decidir medidas para protestar sobre a mudança no texto do substitutivo encaminhada a ALMG na última terça-feira (21). Com a provação da deliberação de greve, os servidores saíram em passeata pelas ruas e avenidas do hipercentro de Belo Horizonte.
Os cerca de 700 policiais tomaram as avenidas Amazonas e Afonso Pena e fecharam a via. Os servidores queimaram quatro caixões, além da cópia do texto entregue na ALMG. Segundo a Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), o trafego no local teve que ser desviado para evitar tumulto no trânsito.
Guardas Municipais e militares do Batalhão de Trânsito auxiliavam os motoristas e controlavam a movimentação no hipercentro da cidade. As ruas São Paulo, Espírito Santo, Amazonas, praça Raul Soares e avenida do Contorno registram grande lentidão devido ao protesto.

FONTE: O TEMPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário