SEGURANÇA PÚBLICA

SAIBA TUDO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA!

30 de nov de 2011

NOTÍCIAS DO SINDPOL/MG.

Estratégia para desarticular: Direção do SINDPOL/MG é atacada com informações inverídicas com intuito de desmobilizar e desacreditar as lideranças do movimento.

Estratégia para desarticular: Direção do SINDPOL/MG é atacada com informações inverídicas com intuito de desmobilizar e desacreditar as lideranças do movimento

Em um gesto vil e insidioso, pessoas inescrupulosas têm propagado calúnias, injúrias e informações inverídicas contra dirigentes do SINDPOL/MG, principalmente na pessoa do presidente, tentando jogar a sociedade contra as ações legítimas do movimento sindical, na defesa dos direitos dos trabalhadores.

Na data de ontem (29), a direção do SINDPOL/MG tomou conhecimento que foi veiculado no jornal Impresso intitulado Metro, em matéria acerca da manifestação conjunta ocorrida no dia 10 de novembro, uma informação inverídica atribuída ao presidente do SINDPOL/MG, Denílson Martins, onde o mesmo ameaçaria realizar atos de vandalismo e terrorismo, caso o governador não efetuasse o pagamento do Premio por Produtividade ao conjunto dos servidores públicos. Peremptoriamente, esta alegação estapafúrdia, incompatível e inadequada para um dirigente sindical, mormente um policial civil, um democrata e bacharel em direito, como é o caso de nosso presidente, jamais seria proferida, logo, a intenção de quem a publicou, ou se travestiu, ou se fez passar, para prestar tal informação, era a de DEPRECIAR, INTIMIDAR E DESMORALIZAR o movimento e seus integrantes. A direção do SINDPOL/MG repudia toda e qualquer iniciativa ou estratagema feito com esse propósito.

O fato hora perlustrado, já faz parte de um expediente que tramita na corregedoria de polícia e irá, com certeza, apurar as responsabilidades dos fatos e individualizá-las.

A direção do SINDPOL/MG já acionou a redação do referido jornal para se instrumentalizar do devido direito de resposta.

Esperamos que fatos desta natureza não voltem acontecer, uma vez que a ninguém interessa.

Veja conteúdo publicado


FONTE: SINDPOL/MG.

Nenhum comentário:

Postar um comentário