SEGURANÇA PÚBLICA

SAIBA TUDO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA!

2 de set de 2011

OPERAÇÃO INDEPENDÊNCIA: OPERAÇÃO DA PCMG QUE MOTIVOU A SAIDA DE ANJO/PESAO E QUEM QUEM DE TEOFILO OTONI.


A Polícia Civil de Minas Gerais realiza neste momento em Teófilo Otoni, no vale do Mucuri, a Operação Independência. Resultado de mais um ano de investigações, a operação tem como objetivo, prender diversos indivíduos ligados a uma facção criminosa que controla o tráfico de drogas em Teófilo Otoni e Belo Horizonte. De outubro de 2010 até hoje foram apreendidos 15kg de maconha, 7kg de crack, 14kg de pasta base de cocaína, três veículos, várias munições, aproximadamente R$ 6.000,00, etc, tendo sido indiciados nove traficantes considerados lideres da facção.


Esta facção, comandada por ANGELO GONÇALVES DE MIRANDA FILHO, também conhecida como Anjo ou Pesão, já foi alvo de diversas operações nos últimos dez anos. Em 2005 e 2006, nas Operações Genesis e Êxodos respectivamente, foram presas aproximadamente 80 pessoas em Teófilo Otoni, todos envolvidos com os crimes de tráfico de drogas, homicídios, formação de quadrilha. Atualmente, Anjo se encontra foragido da justiça, sendo que, informações recentes dão conta que ele estaria escondido na região metropolitana de Belo Horizonte. Mesmo foragido, Ângelo continua a comandar o tráfico em Teófilo Otoni e no Conjunto Califórnia em Belo Horizonte. Anjo tem como seu braço direito, BRUNO QUEN-QUEN, que nos últimos dias atentou contra a vida de três policiais civis e matou um agente penitenciário. A Polícia Civil informou ainda que Anjo, Quen-Quen e outros indivíduos da facção do Eucalipto possuem ligação com o PCC há algum tempo.


Com esta Operação, a Polícia Civil espera desmantelar a base da facção em Teófilo Otoni e dessa forma enfraquecer o comando de Anjo e Quen-Quen na região.





HISTÓRICO DAS ÚLTIMAS AÇÕES DA POLÍCIA CIVIL NO COMBATE À ORGANIZAÇÃO LIDERADA POR ÂNGELO E QUEN-QUEN


OUTUBRO 2010 -> Operação Cavalo de Tróia, com a apreensão de 13,5kg de pasta base, dois veículos utilizados para transporte de droga de BH para TO, prisão de ALMIR, diretamente comandado por Anjo, Local: Teófilo Otoni;


JUNHO 2011 -> Operação Valorização 1, com a prisão de LEO FACHADA, RAFAEL, GUSTAVO e EDMILSON, pertencentes da facção de Anjo, mais 7kg de maconha, 1200 pedras de crack, munição, Local: Teófilo Otoni


1° Parte AGOSTO 2011 -> Dupla tentativa de homicídio orquestrada por BRUNO QUENQUEN, tendo como vítimas dois Investigadores da Polícia Civil. Local: bairro Califórnia, Belo Horizonte;


2° Parte AGOSTO 2011 -> Operação Valorização 2, com a prisão de MARCONI, apreensão de um veículo utilizado para transportar droga, 8kg de maconha e 7kg de crack, Local: Teófilo Otoni;


3° Parte AGOSTO 2011-> Nova tentativa de homicídio sendo outros dois Investigadores da Polícia Civil as vítimas. Durante a fuga, QUENQUEN e outros comparsas executam um Agente do Sistema Prisional e fogem levando sua motocicleta, Local: Av. Cristiano Machado, Belo Horizonte;


SETEMBRO 2011-> Operação Independência – 18 Mandados de Prisão, 20 Mandados de Busca e Apreensão sendo realizados simultaneamente em Ataléia e Teófilo Otoni, 25 viaturas policiais, um helicóptero, 90 policiais.


CHEFES DA FACÇÃO


ANJO – Angelo Gonçalves de Miranda Filho, chefe da Facção do Eucalipto, alvo das Operações Genesis em 2005 e Êxodos em 2006, chefe do tráfico no Conjunto Califórnia em BH, local conhecido como Favela Suvaco da Cobra;


BRUNO QUEN QUEN – Bruno Rodrigues de Souza, gerente da Facção do Eucalipto, braço direito de ANJO em Belo Horizonte, alvo da Operação Integração em 2009, foragido da Justiça, homicida, assaltante, traficante;


ALMIR – Almir Lopes Fernandes, gerente da facção do Eucalipto, preso na Operação Cavalo de Tróia em Outubro de 2010, transportando 14kg de pasta base de cocaína de Belo Horizonte para Teófilo Otoni.


FONTE: ESTADO DE MINAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário