SEGURANÇA PÚBLICA

SAIBA TUDO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA!

1 de ago de 2011

Governo do Ceará suspende salário de policiais civis em greve.


Policiais civis do Ceará tiveram o salário bloqueado nesta segunda-feira (1º) pelo Governo do Estado, no trigésimo dia de greve da categoria. Segundo a Secretaria de Planejamento do Estado, 163 servidores tiveram o corte por conta do decreto da ilegalidade da greve. O titular da pasta, Eduardo Diogo, responsável pelo envio dos contracheques, afirma que os salários serão desbloqueados quando a greve acabar.

O diretor do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpoci), Hernane Leal, acredita que a medida deve aumentar a mobilização dos policiais em prol da greve. "Acredito que com essa atitude (suspensão do salário) a gente chegue a 100% (dos policiais parados) enquanto não for resolvida essa questão salarial", afirma o diretor. Atualmente a categoria tem 30% dos servidores em atividade, o mínimo para que a Justiça considere a paralisação legal.

Por conta da suspensão o Sinpoci agendou para esta segunda-feira uma assembleia geral da categoria para debater sobre a suspensão e novas manifestações da greve. O Sinpoci afirma que são mais de 200 os servidores afetados com a suspensão salarial.

Os policiais civis do Ceará estão em greve desde 2 de julho. O juiz Paulo de Tarso decretou no dia 6 de julho que o movimento é ilegal. A categoria pede melhores condições de trabalho e reajuste do salário. De acordo com o vice-presidente do Sinpoci, Xavier de Farias Júnior, a categoria ganha 30% do salário de um delegado e quer que esse índice chegue a 60%.

FONTE:Do G1 CE, com informações da TV Verdes Mares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário